Livro “Alimentação sem carne”

Livro - Alimentação sem carne

Quem acompanha o blog deve ter percebido que nas últimas semanas algumas mudanças vem acontecendo… Só tenho publicado receitas vegetarianas e as receitas com carne estão “desaparecendo” pouco a pouco. Antes que me perguntem, aviso que serão todas deletadas.

Acho que fui me tornando uma vegetariana devagarinho e achando que ainda era uma onívora! Mas o que andou acontecendo é que nas poucas vezes (ainda no ano passado) em que tentei comer algum tipo de carne, meu organismo não aceitou nada bem. Resultado: passei mal para digerir a proteína animal… Comecei o ano de 2017 disposta a tomar decisões e iniciar mudanças. Assumir uma postura ovo-lacto-vegetariana aqui no blog é uma delas. Ou seja: tudo que está publicado e que contenha algum tipo de carne será deletado. Tenho trabalhado nesta transição todos os dias, fazendo um pouco por dia.

Outras mudanças dizem respeito a buscar maior informação sobre a alimentação sem carne, o que já venho fazendo com uma nutricionista, desde o final de 2016. Tenho lido bastante sobre o assunto e o livro “Alimentação sem carne” do Dr. Eric Slywitch (imagem acima) tem sido muito importante, pelo volume de boa informação. Eu diria que é um guia e tanto para que as refeições de um vegetariano sejam equilibradas e completas.

[perfectpullquote align=”left” cite=”” link=”” color=”” class=”” size=””]O que percebi ao longo dos últimos meses é que a busca por uma alimentação sem carne acaba nos direcionando para o uso e descoberta de novos alimentos, e também combinações bem originais. [/perfectpullquote]

Algo que nem sempre fazemos quando nos alimentamos com a proteína animal. Tenho aprendido muito sobre novos grãos, sementes e a importância dos alimentos que são fontes de proteína vegetal. Quem der uma olhadinha nas fotos das receitas dos últimos meses vai entender sobre o que estou falando.

Para responder quem ficou curioso pela razão da minha decisão, começo dizendo que sempre tive uma tendência ao vegetarianismo. Como disse acima, a vontade de ingerir carne (que já não era muito grande) praticamente desapareceu! Por outro lado é importante lembrar que eu apoio a campanha da Segunda sem Carne (aqui e na minha coluna do site Ciclo Vivo) há um bom tempo. Acredito que o alto consumo de carne atualmente praticado em todo o mundo não é nada sustentável. E os efeitos disso sobre o meio ambiente são terríveis. Por outro lado, o corpo agradece tal opção alimentar. ​T​enho me sentido cada vez melhor desde que diminuí e depois abandonei o consumo de proteína animal. Por fim (e não menos importante), há a questão da causa animal. Isso porque não é novidade a forma cruel como funciona a indústria ligada à produção de carne…

Abaixo acrescento uma última dica de leitura para quem pensa em iniciar uma alimentação vegetariana, mas ainda tem muitas dúvidas e se sente inseguro. O livro “Virei vegetariano. E agora?” também é do Dr. Eric Slywitch, e tem informações mais voltadas para os novatos no vegetarianismo.

Livro - Virei vegetariano. E agora?

16 de fevereiro de 2017
21 de fevereiro de 2017

POSTS RELACIONADOS

4 Comentários

  1. Responder

    Cristina Sototuka

    2 de março de 2017

    Aqui em casa ainda não temos nenhum vegetariano, mas temos diminuido o consumo de carnes ao mesmo tempo em que aumentamos a variedade (e atratividade!) de pratos vegetarianos. Para isso, seu blog tem sido muito importante. Acho que já é um grande passo!

    • mohering

      2 de março de 2017

      Fico feliz por estar incentivando o consumo de pratos vegetarianos com as receitas do blog. Diminuir o consumo de carne é uma grande mudança!

  2. Responder

    Suzana

    21 de fevereiro de 2017

    Que legal saber disso Mônica!
    Também estou no mesmo caminho que você.
    A vontade de comer carne foi diminuindo e o corpo reclamando quando ingeria proteína animal, principalmente carne vermelha.
    Realmente o mundo se abre quando percebemos a quantidade de receitas possíveis e deliciosas sem proteína animal.
    Já gostava do seu blog, agora vou acompanhar mais do que nunca. Rs
    Beijos

    • mohering

      21 de fevereiro de 2017

      Você não imagina como fico feliz ouvindo isso! Redirecionar o foco do blog também tem sido uma mudança e tanto… Há momentos em que fico um pouco insegura com a reação dos leitores.

DEIXE UM COMENTÁRIO